segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Encontro para mães e pais discutirá criação com apego e disciplina positiva

Ao nascer um filho, nasce também uma mãe e um pai cheios de dúvidas e desafios. E essa preocupação não se restringe aos cuidados iniciais da vida do bebê, como alimentação, higiene, sono... A maneira como criar os filhos muitas vezes é algo inquietante para os pais. Embora não exista uma “fórmula” que ensine o melhor jeito de educar um filho, nem um conjunto de normas adequado para as famílias (embora haja sempre muitos palpites sobre como fazer isso), é possível aprender como lidar nesse dia a dia da maternidade e paternidade.

É visando contribuir nesse processo, através de uma reflexão sobre a criação com apego e disciplina positiva que será realizado, no próximo dia 20, em Aracaju, o I Encontro da Maternidade e Paternidade Ativa e Consciente. O evento acontece na Escola Superior de Advocacia (ESA), da OAB/SE, a partir das 14 horas, e terá a participação do pai e autor do blog “Paizinho, vírgula!”, Thiago Queiroz. A ESA está localizada na travessa Martinho Garcez, 71, Centro, ao lado do Museu da Gente Sergipana.

Segundo a organizadora do evento, a assistente social Juliane Tavares, criadora da Elisa Slings, através da reflexão, da discussão, da troca de experiências e orientações baseadas em investigações sérias sobre o desenvolvimento emocional e cognitivo dos bebês, isso é possível. “Nossa intenção é auxiliar os pais a criarem vínculos ainda mais consistentes com seus filhos por meio de um atendimento afetivo e amoroso das necessidades do bebê”, disse.

A criação com apego é baseada na Teoria do Apego estudada há mais de 60 anos por pesquisadores da psicologia e desenvolvimento infantil. A mãe, professora mestre em letras pela PUC-SP, Bete P. Rodrigues e autora do livro Positive Discipline, comenta que “estes estudos revelaram que os bebês nascem com fortes necessidades básicas: proximidade, proteção e previsibilidade. Se essas necessidades são atendidas, a criança se desenvolve plenamente.”
O I Encontro da Maternidade e Paternidade Ativa e Consciente irá abordar temas que se diferenciam do eixo tradicional, assuntos ligados a uma maternidade/paternidade consciente, crítica e ativa que possibilite a prática da criação com apego, baseada no respeito, empatia e afeição. “Esse momento é um chamado aos participantes para analisar os modos de vida e criação dos filhos na sociedade contemporânea, elencando algumas possibilidades e perspectivas que divergem do atual, que viabilizem maior confiança, autonomia, afeto, amor e respeito às escolhas. Assim como fortalecer e renovar os valores na construção de um mundo melhor para se viver e criar nossos filhos”, ressaltou.

Público-alvo
Podem participar do evento mães, pais, futuros pais, avós, cuidadores, profissionais e pessoas que se identifiquem com o tema. As inscrições podem ser feitas através do site encontro.elisaslings.com. De acordo com Juliane Tavares, a expectativa com o Encontro é ampliar a rede de apoio entre pais e mães do virtual para o presencial, formando grupos contínuos de discussões, visando fortalecer a solidariedade, o suporte emocional e psicológico para as famílias, no mundo tão dinâmico, desconhecido e transformador da maternidade/paternidade.


Com a experiência da paternidade e sua dedicação à paternagem, o palestrante Thiago Queiroz faz parte do (ainda!) restrito grupo de homens que se aventuram pela “blogsfera” para falar desse cotidiano e das experiências com a criação de filhos. Toda essa bagagem levou-o a criar o grupo “Criação com Apego” no Facebook, oferecendo apoio e acolhimento virtual (e presencial) a muitos pais. Thiago também é certificado como líder pela Attachment Parenting Internacional, e criador do primeiro grupo de apoio oficial no Brasil, a API Rio. Também é certificado como educador parental para a disciplina positiva, pela Positive Discipline Association.

O Conversinha de Mãe marcará presença nesse importante evento. Fica então a nossa dica. Nos vemos lá?

Beijos

Siga-nos nas redes sociais:
@conversinhademae (no Instagram)
@conversinhadmae (no Twitter)

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/conversinhademae

Um comentário: