quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

CPF passa a ser emitido junto com a certidão de nascimento

A partir de agora, os bebês já vão sair da maternidade com o Cadastro de pessoa Física (CPF) emitido no momento em que é feito o registro da certidão de nascimento. Isso vai ser possível graças a um convênio entre a Receita Federal e a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP), os cartórios vão informar os dados do recém-nascido ou da pessoa a ser registrada pelo sistema online e, imediatamente, o número do CPF será repassado e impresso na certidão sem nenhum custo. Lançado inicialmente em São Paulo, nessa terça-feira, dia 1, a previsão é que, a partir de hoje, já esteja funcionando em todo país.


Antes, para ter acesso ao CPF os interessados tinham que procurar um dos postos da rede conveniada (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e agências dos Correios) e pagar a taxa de R$ 7,00. A partir de agora, o serviço passa a ser gratuito. A perspectiva é que, ainda no primeiro semestre do próximo ano essa mesma sistemática seja adotada para o caso de adolescentes que vão tirar o primeiro documento de identificação, o Registro Geral (RG), que é emitido pelas secretarias de Segurança Pública.

Bem interessante essa medida, porque até mesmo para a gente fazer o plano de saúde do bebê é preciso o CPF. Quando Rebeca nasceu, há 3 anos, meu marido teve que ir para os Correios providenciar, para que então fizéssemos o plano de saúde. Ótima iniciativa e espero que já esteja em pleno funcionamento efetivamente.

Beijos

Siga-nos nas redes sociais:
@conversinhademae (no Instagram)
@conversinhadmae (no Twitter)

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/conversinhademae


Com informações da Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário