sábado, 28 de novembro de 2015

Sonhos que se concretizam através da solidariedade

Menos de um mês para o Natal. Muita gente já está pensando nos presentes, no cardápio da ceia, na melhor roupa para usar na confraternização em família, nas festas de final de ano do trabalho, entre amigos... A proximidade do Natal é também a chegada de um período em que milhares de crianças terão a oportunidade de receber talvez seu único presente do ano. Essa é a esperança – transformada em letrinhas escritas sobre um simples papel – que muitos pequenos depositam dentro de um envelope e mandadas pelos Correios endereçadas ao Papai Noel.
Algumas delas chegam escritas em letras tortas, outras escritas pelas mãos de mães e irmãos, algumas em papeis desenhados e coloridos. Todas, no entanto, com o sincero e esperançoso desejo de ter o seu sonho atendido pelo bom velhinho. Assim são as cartas que diariamente, nesse período, chegam às agências dos Correios endereçadas ao Papai Noel. Depois de uma triagem, elas vão para as cestas do projeto Papai Noel dos Correios.

E onde você e eu entramos nessa história? Simples! Nós podemos ser, anonimamente, os responsáveis por tornar esse sonho realidade. Mas antes que você pense: “Não, eu não posso! Esse ano a crise me pegou, não vai dar pra comprar nenhum presente!” vou perguntar se realmente você não ficaria tocado ou acharia realmente que custaria demais realizar o sonho de quem deseja apenas como presente um simples kit de lápis de cor, ou talvez uma bola de gude, um ioiô ou até mesmo um livrinho para pintar. Ou seja, todo mundo pode ajudar, mesmo quem está com o orçamento um pouco mais apertado.
Esses são alguns dos pedidos que já chegaram às agências dos Correios em Sergipe e estão lá esperando alguém que se sensibilize em adotá-las. Mas entre os pedidos que mais chegam nas cartinhas estão brinquedos em geral, roupas e calçados. Há também alguns pedidos que, inevitavelmente, fazem as lágrimas chegar aos olhos de quem as lê. Como a da garotinha de 5 anos que pede um lençol novo, pois o que tem na sua casa, onde vive com a mãe e as irmãs estão todos rasgados. Como não se emocionar também com a menina que, ao invés de pedir um presente para ela, resolveu pedir ao bom velhinho um chapéu de pala reta para presentear a um amigo que ela gosta muito?

A campanha Papai Noel dos Correios aqui no estado foi lançada, oficialmente, na última quarta-feira, dia 25. Se você quiser adotar uma das cartas, tem até o dia 20 de dezembro para ir lá escolhê-la. A entrega dos presentes deve ser feita até dia 22, para dar tempo de organizar a logística para que o Papai Noel dos Correios possa fazer a entrega.

E quem ainda quiserem mandar seus pedidos, pode fazê-lo até o dia 15 de dezembro. Para participar a criança deve ter até 10 anos de idade. O ideal é que a própria criança escreva a carta, uma vez que um dos objetivos do projeto é desenvolver a habilidade da escrita e disseminar a comunicação através da carta. Mas, no caso daquelas que ainda não são alfabetizadas, um adulto ou mesmo um irmão ou irmã podem traduzir para o papel o desejo da criança.

Cada carta deve estar em um envelope com nome e endereço completo da criança, conter apenas o pedido de uma criança. Não precisa selar. Lembrando que dentro da carta não podem vir nem o endereço nem o telefone da criança. São aceitos pedidos de material escolar, roupas e calçados, brinquedos em geral. Alguns pedidos “especiais” que chegam não são disponibilizados para estar entre as cartas para serem adotadas. A exemplo de uma cartinha de uma criança do interior que pedia uma consulta com um oftalmologista. Nesses casos, as cartas ficam com os Correios que, quando é possível, intermedeiam algum parceiro que possa atender esse pedido.

Então, vamos dar uma passadinha nos Correios e exercitar um pouco a solidariedade.

Beijos

Siga-nos nas redes sociais:
@conversinhademae (no Instagram)
@conversinhadmae (no Twitter)


Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/conversinhademae

Um comentário:

  1. Muitoooo obrigadaaa por compartilhar!!! Segunda -feira irei aos correios pegar pra todos aqui... amei a ideia!

    ResponderExcluir