quarta-feira, 16 de julho de 2014

Como organizar a rotina diária de arrumação da casa

Imagem por Josh Engroff
Todo mundo tem mais ou menos uma rotina para limpar e arrumar a casa. Algumas pessoas começam passando uma vassoura nos cômodos, outras preferem tirar o pó dos móveis primeiro e tem gente que já começa colocando roupa para lavar. Cada um do seu jeito, todo mundo acha mais ou menos uma rotina de limpeza e arrumação.

Mas a verdade é que quando os filhos chegam, tudo muda. As prioridades são outras e nenhuma mãe vai pensar duas vezes na hora de decidir se prepara o café das crianças ou se varre a casa. Além disso, parece que todas as superfícies da casa passam a ser ocupadas por brinquedos ou qualquer objeto que marque terreno. Sim, porque os filhos tomam conta do universo da gente e não tem mais volta.

Então como se (re)organizar para limpar e arrumar a casa em meio a tantas mudanças? Afinal, quando tem criança em casa, a bagunça pode ir se acumulando e ficando cada vez mais difícil de controlar. Fazer faxina então, pode se tornar um luxo.

Mas não se desespere. Tudo na vida tem um jeitinho para facilitar ou ajudar. Neste caso, alguns minutinhos de rotina já resolvem muita coisa. Quer ver só?

-         - Dê uma volta rápida pela casa e faça uma lista com todas as tarefas que você acha que precisam ser feitas. Nem se preocupe se a lista ficar muito grande, porque você vai dar conta dela sem nem perceber.
-         - Coloque nessa lista qualquer tarefa, desde aquelas mais corriqueiras até as mais estranhas, como por exemplo limpar as luminárias do teto!
-         - Agora é só colocar na frente de cada tarefa a frequência que você acha que elas precisam ser feitas. Lembre-se que essa parte varia muito em cada casa. Por exemplo, pode ser que a sua necessidade seja dar conta de lavar todas as fraldas e roupinhas de bebê diariamente, enquanto outras mães já estão mudando prioridades para conciliar o horário de ajudar nas tarefas escolares.
-         - Depois que definir o que precisa ser feito diariamente, espalhe pelos dias da semana as atividades que sobraram como semanais ou mensais, mais ou menos assim:

Segunda-feira
§  Arrumar a cama (diária)
§  Lavar a louça (diária)
§  Tirar o lixo (diária)
§  Limpar a máquina de lavar (mensal)

-   Fixe a sua lista de tarefas em um lugar visível como a porta da geladeira e tente segui-la todos os dias. Elas não precisam ter horário certo, mas sempre que tiver um tempinho na correria, livre-se de uma dessas obrigações. São pequenas e rápidas tarefas como arrumar a cama ou passar um pano úmido no fogão, que mantém o aspecto geral de limpeza e arrumação.

Se as crianças forem maiorzinhas e com a colaboração do marido essas tarefas também podem ser divididas, por que não? Organize também um tempinho diário para recolher as coisas que estão fora do lugar, como sapatos no meio da sala ou brinquedos pelo chão. Não precisa muito. Quinze a vinte minutos já resolvem e diminuem consideravelmente a bagunça e a chance de ela se acumular para outro dia. Ter em mãos uma cesta ou caixa ajuda muito nesta tarefa!

No mais, para evitar a neurose da arrumação, desapegue! Nem sempre é necessário tirar o pó dos móveis e o melhor tempo gasto é aquele junto com a sua família, curtindo o que eles têm de melhor: a vida!  

Beijos

@conversinhademae (no Instagram)
@conversinhadmae (no Twitter)

Nenhum comentário:

Postar um comentário