quarta-feira, 11 de junho de 2014

Teste do coraçãozinho fará parte da triagem neonatal do SUS

Foi publicada hoje, no Diário Oficial da União (DOU), portaria do Ministério da Saúde que incorpora a oximetria de pulso, conhecida como teste do coraçãozinho, como parte da triagem neonatal do Sistema Único de Saúde (SUS).

Essa era uma reivindicação e motivo de luta das ONGs que defendem crianças com cardiopatia congênita. Esse exame é capaz de detectar precocemente cardiopatias graves e diminui o percentual de recém-nascidos que recebem alta sem o diagnóstico de problemas que podem levar ao óbito ainda no primeiro mês de vida.

Dados da Sociedade Brasileira de Pediatra indicam que, em cada mil bebês nascidos vivos, de oito a dez podem apresentar malformações congênitas e, desses, dois podem apresentar cardiopatias graves, em que há a necessidade de intervenção médica o mais rápido possível.

Por isso a importância de o quanto antes detectar a presença da doença. Agora é torcer para que o quanto antes o exame esteja sendo ofertado em todas as maternidades públicas e depois estendido a todas.

Beijos

@conversinhadmae

Com informações da Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário