terça-feira, 19 de novembro de 2013

Videogames: aprender brincando

Na era da inovação a arte de tirar as crianças de casa ou da frente do computador e videogame é um desafio à parte. Com jogos tão atrativos quanto hipnotizantes, os eletrônicos são a razão principal dos ‘espera aí mãe’, ‘já vou’ e do internacionalmente utilizado, ‘só mais 5 minutinhos’.

É realmente preocupante a quantidade de horas passadas dentro de casa, mas como tudo na vida, no entanto, deve haver um meio termo, claro que preferiríamos que as crianças não passassem mais do que 1/3 do seu dia na frente dos dispositivos, mas se isso acontece, não seria melhor em atividades educativas e que lhes forneçam desafios, os façam pensar?

Um termo muito utilizado pelos pesquisadores de desenvolvimento e educação infantis reitera que as crianças aprendem brincando. Alguns fabricantes de jogos inclusive levaram a afirmação ao pé da letra e criaram jogos que focam no aprendizado de línguas estrangeiras, matemática, raciocínio lógico e muitas outras habilidades.

As crianças podem aprender inglês enquanto se divertem, um jogo chamado Smarty Pants, por exemplo, foca no desenvolvimento cultural, nele alem de aulas de inglês, seu filho aprende, ciências, matemática, artes, etc. Como esse dispositivo funciona como um dicionário – ele possui uma memória com mais de 20 mil palavras e perguntas – as crianças não ficarão entediadas ou precisarão se preocupar com perguntas repetidas por um bom tempo.

Alguns jogos do Nintendo Wii focam principalmente em atividades físicas, aulas de aeróbica, golfe, vôlei, basquete, são só alguns dos exemplos. No entanto, o Big Brain Academy: Wii Degree tem como finalidade desafiar o jogador, o jogo consiste em perguntas e respostas, são feitas uma média de 12 perguntas por categoria, ou sessenta questões para cada minijogo. Quem completar as perguntas com mais precisão e habilidade ganha.

Para o XBOX 360, existe o Lego Rock Band que surgiu da união de duas franquias a Rock Band e a Lego, ao brincar a finalidade é completar a música apresentada, ao fazê-lo, a pontuação é ganha em fragmentos de Lego que serão utilizadas para criar uma peça, e a cada nível o elemento formado e o grau de dificuldade vão aumentando.

Há vários outros jogos sendo desenvolvidos ou podem ser introduzidos na rotina do seu filho, uma forma fácil de descobri-los é entrar no site do fabricante do console que você tem em casa e pesquisar por jogos educativos e de qualidade que somam e ajudam no desenvolvimento cultural e motor do seu filho.

Beijos


@conversinhadmae

Nenhum comentário:

Postar um comentário