segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Aprender uma segunda língua

Antigamente acreditava-se que aprender uma segunda língua durante a infância poderia atrapalhar as fases do desenvolvimento infantil e o desenvolvimento da língua materna. Hoje com estudos científicos sobre o aprendizado de línguas sabe-se que é bem o contrário: saber outro idioma pode ajudar a entender melhor e a aprimorar a língua materna.
Até os 13 anos o cérebro humano encontra-se preparado para aprender a língua materna. Por já estar preparado biologicamente para receber a língua mãe, o cérebro infantil tem maior facilidade para aprender novos fonemas e estruturas gramaticais de outras línguas também. Por isso crianças têm mais facilidade que adultos para aprender “de ouvido” outras línguas.
Podemos entender então porque é altamente recomendado que se apresente uma segunda língua às crianças enquanto ainda estão em fase de desenvolvimento. O quanto antes aprenderem mais chances terão de falar a outra língua com um sotaque nativo, enquanto o aprendizado depois de adulto sempre deixará a marca de ser estrangeiro. Mas caso você esteja interessado em começar estudar uma segunda língua depois de adulto não desanime: O cérebro humano sempre terá plasticidade para aprender novas habilidades, independente da idade!
Qualquer um com vontade de aprender pode e deve estudar uma segunda língua, seja criança ou adulto o conhecimento adquirido dará uma grande autonomia para entender livros, filmes, músicas, sites e até conhecer pessoas de outros países, viajar e garantir a sua vaga no mercado de trabalho.
Além dos benefícios que o aprendizado de uma segunda língua traz para as relações sociais, existem estudos que apontam para uma melhor qualidade de vida. Afinal, um cérebro ativo é um cérebro saudável. O bilinguismo é associado com o crescimento de áreas vitais do cérebro, com o retardo da doença de Alzheimer e da demência, o aumento da memória, o desenvolvimento de habilidades de escuta e a capacidade de atenção.
Por todas estas razões, é interessante incentivar seu filho a aprender outra língua o quanto antes. No Brasil existem escolas bilíngues onde as crianças aprendem as matérias curriculares como matemática e ciências na segunda língua. A grande maioria tem o inglês como segunda língua, mas é possível encontrar escolas bilíngues em francês, italiano, espanhol, alemão e até coreano e japonês. Caso você more fora das grandes cidades você pode inscrever seu filho em uma escola de idiomas que ele pode frequentar no período em que não está na escola.
Mas o aprendizado de uma segunda língua, principalmente o inglês, pode estar inserido no cotidiano da criança, quando elas jogam joguinhos ou assistem desenhos em inglês elas estão aprendendo a língua. E por meio de conteúdo online você pode incentivá-las a aprender brincando!
Beijos
@conversinhadmae

Nenhum comentário:

Postar um comentário