quarta-feira, 31 de outubro de 2012

8 coisas que só quem tem filhos entende...


Esse post é da série “li, gostei e passo para vocês”, como já dizia o saudoso radialista Carlos Rodrigues, aqui de Sergipe. Li esse texto no site da revista Crescer e acho que traduz um pouco da realidade de todas nós, mães. Parando para analisar a gente lembra um montão de outras coisas. Vejam se não é assim. Segue abaixo o texto extraído da Crescer:

“Antes de ter filhos você já deve ter ouvido alguma dessas afirmações e achou exagero. E agora?

- Quanto mais bonito o vestido, mais chances do bebê vomitar nele.

- Banhos e refeições mais longas que cinco minutos – e sem interrupções – são coisas que o dinheiro não compra.

- Afinal, qual o problema em checar cinco vezes por noite se o bebê está respirando?

- Encontrar o homem ideal é muito difícil, mas a babá perfeita é quase impossível.

- Nunca você ficou tão feliz com um arroto ou um cocô como depois de ter filhos.

- Não adianta comprar o brinquedo mais caro: é bem provável que seu filho prefira brincar com a embalagem.

- Empregada boa é aquela que seu filho adora.

- Noites sem dormir, trocas intermináveis de fraldas e pouco tempo para si mesma. Um simples sorriso do seu filho faz tudo isso valer a pena”.

O que acharam? Lembraram também de algumas outras coisas? Deixem elas registradas aqui nos comentários.

Beijos

@conversinhadmae

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Parabéns de um mês


Foto postada pela mamãe Angélica na sua fanpage
A vida é para comemorar. Não importa quanto tempo ela tenha. Por isso, ontem, a apresentadora Angélica fez questão de comemorar o primeiro “mêsversário” de sua filhinha Eva. É, a festinha teve direito a mesa temática, bolo e tudo que tinha direito. Uma fofura!
Detalhe do bolo...

...e da mesa temática. Lindos!
A própria apresentadora postou fotos da comemoração na sua fanpage. “Bolinho de ‘mêsversário’ da minha Eva #1mês”, disse a mamãe. O tempo passa tão rápido que tem que se comemorar mesmo.

Beijos

@conversinhadmae

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Se a moda pega...


A "corajosa" mãe Jessica que entrou em greve
Qual mãe nunca se estressou porque os filhos, independente da idade, não colaboram na arrumação da casa e, pior, ainda contribuem para que a bagunça fique ainda pior? Difícil essa não? Pois então, uma canadense resolveu nadar contra a maré e simplesmente fazer uma “greve” contra bagunça das filhas e lançou um blog sobre isso.

No espaço virtual, Jéssica Stilwell relatou como gradativamente sua casa virou um verdadeiro caos quando ela e o marido simplesmente decidiram parar a limpeza e não arrumar nada que as três filhas deixavam por todos os cantos. Dá pra ter uma pequena noção de como deve ter ficado o local, né, gente?

Jéssica criou um blog que está fazendo o maior sucesso entre pais de todo o mundo onde contam que deixaram de lavar a louça suja e arrumar a bagunça que as meninas deixavam pela casa. Numa entrevista à BBC, a canadense contou que tudo começou depois de um fim de semana que teve muito ocupado e meu marido estava fora. “Olhei em volta e me dei conta que minhas filhas não estavam fazendo sua parte e assumindo suas responsabilidades (com as tarefas domésticas)', contou, acrescentando que quando o marido chegou em casa ela lhe propôs a “greve”.

Eles então deixaram de fazer as coisas em casa, para ver se as filhas se tocavam. A mulher disse que no primeiro dia em que ela e o marido pararam de arrumar a casa e a bagunça das filhas as três irmãs até se deram conta de que algo estranho estava acontecendo, mas não sabiam muito bem o que era. Seis dias depois, já diante do cenário de roupas sujas e louça empilhada esperando por esponja, detergente e água, elas finalmente entenderam que os pais estavam em 'greve' para pressionar por uma mudança na atitude das três.
Um pouco da bagunça deixada pelas meninas
Jessica conta no blog o momento em que uma das filhas se sentou para jantar e olhou para o cereal empapado em sua frente e exclamou: “Eca! O que é isso?”, ao empurrar a tigela para a mãe, que simplesmente respondeu calmamente: “Parece que é o seu café da manhã, querida”. Rsrsrsrs

A mudança de atitude surtiu efeito. Dias depois e alguns momentos de reclamação e culpa entre elas, as meninas decidiram ajudar a arrumar a bagunça. “Esse foi só um jeito criativo de lembrá-las, com humor, de que somos parte de uma equipe aqui e todo mundo precisa fazer a sua parte”, disse Jessica Stilwell.

Já pensou se a moda pega e todas as mães que vivem essa situação resolverem fazer a mesma coisa? Xiii... vai ser o caos. Você, tem alguma experiência nesse sentido? Conte-nos.

Beijos

@conversinhadmae

Com informações da BBC e G1

Empresa de biscoito é condenada a indenizar cliente


O Tribunal de Justiça de São Paulo condenou a empresa Kraft Foods Brasil a pagar R$ 7 mil de indenização a uma criança que quebrou o dente ao comer um biscoito da marca Club Social. A decisão é da 7ª Câmara de Direito Privado.

O caso ocorreu em 2003, quando a criança, na época com dois anos de idade, mastigou um pedaço de metal ao consumir o biscoito, ocasionando-lhe lesões no dente. O autor da ação pediu o custeio de todo o tratamento dentário pago como danos materiais e 500 salários mínimos pelos danos morais suportados.

No laudo pericial, o perito não diz que o objeto metálico estava no biscoito, mas também não descarta essa possibilidade.

A decisão de 1ª instância julgou o pedido parcialmente procedente e condenou a empresa a arcar com os gastos dentários já efetuados e com os custos futuros necessários ao tratamento do menor. Condenou também ao pagamento de indenização por danos morais no valor de R$ 5 mil.

As duas partes recorreram da sentença; o autor pediu o aumento da quantia fixada para o dano moral, por achá-la incompatível com os danos suportados pela dificuldade financeira que teve para custear o tratamento na época, e a empresa pediu a reforma da sentença alegando inexistência de ilicitude de sua parte no episódio e alternativamente, a redução da indenização. 

Para o relator do processo, desembargador Miguel Brandi, a sentença merece reforma apenas quanto ao valor fixado para indenização por danos morais. “Os argumentos do autor encontram respaldo para justificar a majoração do valor arbitrado a título de dano moral para R$ 7 mil.” Os desembargadores Walter Barone e Lineu Peinado também participaram do julgamento e acompanharam o voto do relator.

Beijos

@conversinhadmae

Fonte: Ascom TJSP
Foto: ilustração

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Boa notícia: mortalidade feminina cai 12% nos últimos 10 anos


O Brasil reduziu em 12% a mortalidade feminina nos últimos dez anos. No período de 2000 a 2010, houve redução da taxa de mortalidade de 4,24 óbitos por mil mulheres para 3,72. Este é um dos estudos do Saúde Brasil (edição 2011), publicação do Ministério da Saúde.

“Essa redução mostra que o país tem qualificado assistência à mulher, mas também demonstra que temos de continuar priorizando as causas dos óbitos das mulheres, como o câncer de mama”, reforça o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Todas as regiões do país tiveram suas taxas reduzidas. A maior redução foi verificada na região Sul do país (14,6%), seguida pela região Sudeste (14,3%). A região Centro-Oeste apresentou redução de 9,6%, enquanto as regiões Nordeste e Norte, apresentaram redução de 9,1% e 6,8%, respectivamente.

Entre as principais causas de mortalidade feminina estão as doenças do aparelho circulatório, como Acidente Vascular Cerebral (AVC) e o infarto, que aparecem em primeiro lugar representando 34,2%. No entanto, as doenças cerebrovasculares e as isquêmicas do coração apresentaram redução no período de 2000 a 2010. A taxa das doenças cerebrovasculares em mulheres, como o AVC, caiu de 43,87 em 2000, para 34,99 em 2010. As doenças isquêmicas do coração, como o infarto, também tiveram a taxa reduzida de 34,85 para 30,04.

“A melhoria na assistência à saúde, o aumento da expectativa de vida aliado à ampliação do acesso à informação, assim como a redução do tabagismo contribuíram para termos um impacto positivo nas mortes de jovens,” disse Deborah Malta, diretora de Análise de Situação em Saúde, do Ministério da Saúde.

Essas doenças têm como fatores de risco a falta de exercícios físicos e uma dieta rica em gordura saturada, que tem como consequência o aumento dos níveis de colesterol e hipertensão. Para ampliar e qualificar a assistência às vitimas de infarto e AVC, o Ministério da Saúde está investindo nas linhas de cuidado dessas doenças. Entre as novidades para o infarto está a inclusão dos medicamentos tenecteplase, alteplase e clopidogrel - para continuidade do tratamento, além do troponina que é o teste rápido para diagnóstico do infarto. Já para o AVC, a novidade também está na incorporação do trombolítico alteplase, além da ampliação de serviços habilitados para assistência às vítimas da doença.

Causas
As neoplasias representam a segunda maior proporção de óbitos em mulheres em 2010, no total de 18,3%. Dentro das neoplasias, o câncer de mama tem o maior índice (2,8%), depois o câncer de pulmão (1,8%) e câncer do colo do útero (1,1%).

Como forma de prevenção do câncer de mama e do colo de útero, o Ministério da Saúde tem investido no Plano Nacional de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer de Colo do Útero e de Mama, lançando no ano passado. Entre as ações está a incorporação do Trastuzumabe, um dos mais eficientes medicamentos de combate ao câncer de mama e a expansão dos serviços de radioterapia no país.

Na faixa etária a partir dos 30 anos, as doenças do aparelho circulatório e neoplasias se confirmaram como as causas mais frequentes de óbitos. Já nos menores de 10 anos predominaram as afecções perinatais, e entre mulheres de 10 a 29 anos de idade, as causas externas, como, por exemplo, acidentes e agressões.

Fecundidade
O estudo revela novo perfil da população feminina, apontando para envelhecimento desde público. Entre 2000 a 2010, a taxa de fecundidade geral no Brasil caiu de 2,38 para 1,9 filhos por mulher, valor inferior ao chamado nível de reposição que é de 2,1 filhos por mulher.

Em 2010, a esperança de vida das mulheres era de 77,32 anos, enquanto a dos homens era de 69,73 anos, o que corresponde a uma diferença de mais de sete anos.

Mortalidade materna
O estudo Saúde Brasil também trouxe a taxa de mortalidade materna de 2010, que chegou a 68 óbitos para cada 100 mil nascidos vivos. Na comparação com os últimos 20 anos (1990 a 2010), a razão da mortalidade materna no Brasil caiu 50%.

Para continuar reduzindo esses índices, o Ministério da Saúde lançou no ano passado a estratégia Rede Cegonha, que vem ampliando e qualificando a assistência à mulher e ao bebê. Já foram destinados R$ 3,3 bilhões para execução das ações da rede, além de mais de R$ 89 milhões para fortalecer o pré-natal no SUS. Mais de 4.800 municípios já aderiram à estratégia, com a previsão de atendimento de mais de dois milhões de gestantes no país.

Beijos

@conversinhadmae

Fonte: Ascom do Ministério da Saúde

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Projeto ‘Samu na Escola’


Todos com a mão levantada para falar o que aprenderam sobre o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe). Dessa forma, as crianças da 3ª série do ensino fundamental de uma escola particular, em Aracaju, mostram que cidadania se aprende desde cedo. É o projeto 'Samu na Escola', que foi realizado na manhã desta segunda-feira, 22, com estudantes do colégio Pequeno Mundo, na zona sul da capital.

Com apenas oito anos de idade, o pequeno Guilherme Menezes Campos conta o que aprendeu durante a manhã com os profissionais do Samu. “Aprendi que não pode passar o trote para o Samu. Se a gente liga pode ter uma pessoa que esteja precisando de atendimento”, aponta.

O estudante Guilherme Menezes aprendeu direitinho
João Lucas Fonseca, com nove anos, tem a mesma opinião do colega. "Quando a gente passa um trote pode ter uma pessoa passando mal. Hoje, o enfermeiro do Samu durante a palestra nos contou um caso em que aconteceu isso de verdade”, disse.
No próximo dia 25, uma nova ação será realizada no colégio para alunos de outras séries. A programação incluiu uma peça de teatro falando sobre as consequências do trote, além do uso de material áudio e visual para explicar o funcionamento do serviço e espaço para fotos. 

“Nesta semana, estamos realizando a terceira etapa do projeto. Primeiro nos reunimos com a coordenação pedagógica da escola e em seguida com os pais das crianças. Hoje iniciamos com crianças de seis a nove anos e, na próxima quinta-feira, serão as crianças de dez a 14 anos. A atividade contou com uma palestra educativa e peça teatral com parceria do grupo ‘Junto e Misturado’ do Colégio Estadual Acrízio Cruz. Os atores mirins fizeram uma dramatização sobre as consequências que o trote traz”, comenta.

A diretora geral da escola, Cláudia Fontes, fala a importância da parceria com o SAMU para a educação dos alunos. “Nós estamos tentando evidenciar o valor da responsabilidade, principalmente na questão do trote telefônico. Quisemos deixar claro que o dizer não ao trote é um ato de responsabilidade. Quando falei com a coordenação do Samu, eles já queriam desenvolver o projeto e tudo casou para essa parceria. O Samu desenvolve um trabalho essencial à sociedade e as crianças ficaram muito felizes com a palestra e o teatro. Foi um dia marcante para eles”, encerra.

“Esse trabalho educativo do Samu ajuda a formar cidadãos conscientes e faz com que essas crianças sejam multiplicadoras desse alerta sobre o risco do trote, já que muitas dessas ligações são feitas de telefones públicos perto de escolas”, conclui o secretário estadual da Saúde, Silvio Santos.

Beijos

@conversinhadmae

Fonte: Texto e fotos da Ascom Secretaria de Estado da Saúde/SE

sábado, 20 de outubro de 2012

Lei da Cadeirinha reduz em 23% mortes de crianças

As mortes de crianças de até dez anos de idade que estavam sendo transportadas em automóveis reduziram 23%, após um ano da entrada em vigor da Resolução nº 277, de 28 de maio de 2008, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), conhecida como Lei da Cadeirinha.


De setembro de 2009 a agosto de 2010, o Sistema de Informação de Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde notificou a morte de 296 crianças nessa faixa etária. Entre setembro de 2010 - quando a lei passou a valer - e agosto de 2011, o número caiu para 227. Se comparado com a média dos cinco anos anteriores à Lei (267,9), a queda foi de 15%.

Os dados fazem parte da primeira “Avaliação Preliminar do Impacto da Lei da Cadeirinha Sobre os Óbitos de Menores de 10 anos de Idade no Brasil”, elaborada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O estudo foi apresentado durante esta semana, na 12ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças (Expoepi), evento da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

Em seis anos, é a primeira vez que há registro de queda. Nos cinco anos antes da entrada em vigor da lei, vinha ocorrendo um crescimento gradual de mortes de crianças durante o transporte: de 238 óbitos – no período de 1º de setembro de 2005 até 31 de agosto de 2006 – para 296 óbitos no período de 1º de setembro de 2009 até 31 de agosto de 2010. “A redução do número de mortes nesta faixa etária reverteu a tendência de crescimento da década de 2000. A Lei da Cadeirinha comprova que aliar fiscalização severa  e ações de conscientização no trânsito pode salvar vidas “, observa o ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

O estudo também revela que as principais vítimas fatais são crianças de até dois anos. Dos óbitos registrados no período de setembro de 2005 a agosto do ano passado, 32% foram de crianças nesta faixa etária. “Os pais e responsáveis pela criança nunca podem esquecer que a lei deve ser respeitada todos os dias.”, afirmou o ministro. No mesmo período, 42,5% dos óbitos aconteceram nos fins de semanas e 23,9% nos meses das férias escolares.

Lei da Cadeirinha
Conhecida como Lei da Cadeirinha, a resolução obriga o uso de dispositivos de retenção para o transporte de crianças em veículos. De acordo com a medida, crianças até 12 meses devem ser transportados no bebê-conforto. De um a quatro anos, devem viajar em cadeirinhas. Já entre quatro e sete anos e meio, o ideal é que utilizem o booster – assento elevatório. O cinto de segurança do veículo deverá ser usado por aquelas com idade superior a sete anos e meio e igual ou inferior a dez anos. O descumprimento da norma prevê multa gravíssima de R$ 191,54, além da perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e retenção do veículo até que o assento seja colocado.

Beijos

@conversinhadmae


Fonte: Ascom do Ministério da Saúde

Começa hoje a festa do cinema infantil

"Corda bamba" é um dos filmes da programação do FICI
Tem início hoje a programação do Festival Internacional de Cinema Infantil (FICI) aqui em Aracaju (SE). Este e o próximo final de semana serão de muitas opções de filmes para a garotada, no Cinemark do Shopping Jardins. Os pequenos espectadores sergipanos poderão assistir a filmes de vários países, ao preço de R$ 7,00 durante o festival.

"Manda Chuva" e ...

..."Tinker Bell: o segredo das fadas" também estão na programação
Serão mais de 40 filmes, entre longas e curtas-metragens. A abertura está acontecendo hoje pela manhã, com um evento bem especial (quem estiver lendo o post agora ainda dá pra correr e aproveitar), com DJ, palhaços, pernas de pau, além das sessões paralelas em seis salas.

Mais tarde levarei a minha pequena e os sobrinhos para assistirmos a um dos filmes. Ano passado fomos na abertura e o cinema estava uma festa de tanta gente, a criançada toda na expectativa de ver animações e filmes voltados para ela na telona.
Confira abaixo a programação do FICI em Aracaju:

Dia 19/10
-  O Pequeno Jornalista
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:30 | 14:00
 
-  Tinker Bell: o segredo das fadas
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:45
 
-  Prêmio Brasil de Cinema Infantil – Histórias Animadas
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:00
 
-  Prêmio Brasil de Cinema Infantil – Histórias Curtas
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:00
 
-  Budrus
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 14:00

-  Um Gato em Paris
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:00
 
-  Léo e Bia
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 16:00
 
-  Zé Colméia - O Filme
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 16:30
 
-  Manda Chuva - O Filme
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 18:30

Dia 20/10
  -  Garoto Cósmico
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:00 | 15:00

-  Eu e meu guarda-chuva
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:30

-  Uma professora muito maluquinha
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 14:30

- 31 Minutos - O Filme
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:30
 
-  Manda Chuva - O Filme
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 16:30
 
-  Corda Bamba
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 17:30
 
-  Zarafa
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 18:30

Dia 21/10 
-  Manda Chuva - O Filme
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:30 | 14:30
 
-  Alfie, o Pequeno Lobisomem
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:45
 
-  Garoto Cósmico
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:00 | 13:00

-  Programa Caleidoscópio de Sonhos
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:30
 
- Eu e meu guarda-chuva
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 12:30

-  O Homem Mais Forte da Holanda
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:30
 
-  Zarafa
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:00
 
-  O Circo
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:30
 
-  Uma professora muito maluquinha
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 16:30

-  A Família Trom
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 17:30

-  Zé Colméia - O Filme
    Aracaju
   Cinemark Shopping Jardins | 18:30

Dia 26/10
    Alfie, o Pequeno Lobisomem
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:30
 
-  O Pequeno Cientista
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:30 | 13:30
 
-  Piratas Pirados
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:00
 
- Animações Fantásticas da Dinamarca
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 12:30
 
-  Procurando Nemo
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:00
 
-  Uma professora muito maluquinha
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 14:30

-  A Chave dos Campos
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:00
 
-  Corda Bamba
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 16:30
 
- Garoto Cósmico
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 17:30

-  Manda Chuva - O Filme
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 18:30

  Dia 27/10
-  Winter, o golfinho
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:30 | 16:30
  
- Animações Fantásticas da Dinamarca
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:45
 
-  Piratas Pirados
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:00
 
-  Garoto cósmico
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:30

-  O mar não está pra peixe
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 12:30 | 18:30

-  Carros 2
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:00
 
- O pequeno detetive e os fantasmas
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:30

-  Uma professora muito maluquinha
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 14:30

-  Alfie, o Pequeno Lobisomem
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:00

-  Keshu
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:30
 
-  Tony 10
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 17:30

Dia 28/10
-  Programa Comkids Green
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:30
 
-  Valente
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 10:45
 
-  Animações Fantásticas da Dinamarca
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:00
 
-  Uma professora muito maluquinha
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 11:30

-  Programa Curtas Internacionais - 7x Animação
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 12:30
 
-  A Chave dos Campos
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:00
 
-  O mar não está pra peixe
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 13:30
 
-  Programa Curtas Internacionais - Pequenos que nem você
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 14:30
 
-  Alfie, o Pequeno Lobisomem
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:00
 
-  Winter, o golfinho
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 15:30

-  Anima Mundi Para Crianças
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 16:30
 
-  Zarafa
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 17:30
 
-  Meu Nome é Kalam
    Aracaju
    Cinemark Shopping Jardins | 18:30

Beijos

@conversinhadmae