domingo, 24 de abril de 2011

Surpresa em todos os detalhes

Ontem foi o aniversário de meu marido (parabéns!!!!). Este ano, pela primeira vez vi minha filha Beatriz realmente empolgada com a data. Todos os dias ficava lembrando e fez questão de abrir o cofrinho para ela mesma comprar o presente. Falando nisso, não contou pra ninguém o que iria dar ao pai, pois, segundo ela, era surpresa, e, se era surpresa, não podia falar pra ninguém. Um barato!

Ela ficava dizendo ao pai que teria que sair sozinha comigo para gente ir comprar o presente dele. Eu mesmo só fui saber o que ela estava pensando comprar no caminho para o shopping. Na noite anterior, abrimos seu cofre, contamos as moedas e disse quanto ela tinha de dindim disponível para gastar. No final das contas, acabou comprando uma calça jeans. Mas por ela tinha levado uma camisa, um casaco e um tênis também. No entanto, como ela fez questão de comprar com o dinheiro dela, mostrei que o que tinha não dava para comprar tantas coisas.

Mas, além disso, a mocinha fez questão que eu fizesse uma festinha (que era para ser surpresa, mas ela mesmo acabou abrindo a boca. rsrs) para o pai. Coitada de mim, inventei de ligar pra minha sogra chamando para “um bolinho lá em casa” e Bia de pronto me corrigiu: “Bolinho não, mãe. É uma festa”. Ah, tá!


ntão, fiz questão de fazer como ela pediu. Coisa pequena, só para os mais próximos da família mesmo: os pais dele, meus pais e irmãos, sobrinho, cunhada e primo. Apenas para agradecer a Deus e comemorar mais um ano de vida. Achei legal essa iniciativa dela de homenagear o pai, que diariamente faz tudo por ela. É a prova de reconhecimento, não? Fico feliz!

Beijos

@conversinhadmae

Um comentário: