quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Finalizando a lista de material escolar na última hora

Como de alguma forma o brasileiro deixa sempre as coisas para a última hora e como o post “Hora de pesquisar na compra do material escolar” foi o segundo mais acessado aqui no Conversinha de Mãe, decidimos voltar ao tema. Faltam poucos dias para o início do primeiro semestre letivo aqui em Aracaju. A maioria das escolas particulares inicia as aulas na próxima segunda-feira, dia 24, outras no dia 31. A de minha filha só começa em 7 de fevereiro. Ela está super ansiosa, ainda mais porque este ano ela muda de colégio. Então, não vê a hora de viver essa novidade.

Para evitar as tradicionais filas nas livrarias e lojas de material escolar às vésperas do início das aulas, me adiantei e comprei 99% dos itens da lista no mesmo dia em que fiz a matrícula, ainda no final de dezembro. Pois é, meu objetivo era deixar tudo prontinho para entregar na escola bem cedo, para não ficar nada para a última hora. E não é que mesmo com todo adiantamento acabamos deixando para o último dia a entrega do material no colégio.

Aff, como eu não queria isso. Só faltavam dois itens: uma placa de isopor e o brinquedo. Fomos deixando, deixando e quando vi já era dia 19 e a data limite é amanhã, dia 21. Pra completar, acabei ficando doente e sobrou pra Alex. Pior ainda é que ontem à noite (depois dos livros e cadernos já etiquetados e forrados), quando fomos conferir a lista para ver se faltava mais alguma coisa eu me dei conta que não tinha mandado personalizar com o nome dela uns itens que precisava. Alex teve que ir correndo ver se conseguia que fizessem para entregar ainda hoje.


Livros de Bia já etiquetados e forrados


Detalhe da etiqueta que Alex
personalizou para ela


Sei que não sou a única a ter deixado para a última hora. As lojas estão cheias de pais atrasadinhos, que deixaram pra comprar tudo nos 45 do segundo tempo. É... Então, não há muito o que fazer, senão ter muuuuiiiiiiita paciência. Mas a dica é que, mesmo sem tanto tempo, faça uma pequena pesquisa de preço, para não ter prejuízo. Observe também com cuidado a lista passada pela escola. Pode haver produtos abusivos.

O Procon de Sergipe está de olho e apertando a fiscalização das listas de material que são solicitadas pelas escolas. Até o início da semana, já tinham sido registradas mais de 30 reclamações sobre os abusos cometidos na lista de material escolar. Nesses casos, as escolas podem ser até multadas.

De acordo com a diretora do órgão de proteção e defesa do consumidor, Gilsa Brito, segundo o Código do Consumidor, na relação de consumo o consumidor não pode ser colocado em desvantagem. Ou seja, as escolas só devem exigir dos pais o material que for de uso exclusivo do aluno. Nada de produtos que sejam de uso coletivo, como papel ofício, higiênico ou toalha, álcool, clips ou material descartável, ou com marcas predeterminadas.

Em seu site (www.procon.se.gov.br), o Procon listou algumas orientações aos pais de alunos. Vale a pena conferir. O Conversinha de Mãe cita aqui algumas delas. Fique atento:

1 - A lista de material escolar necessário ao aluno deverá ser divulgada pelos estabelecimentos de ensino da rede particular, no período de matrícula, acompanhada do respectivo plano de execução ou utilização dos materiais estabelecidos na referida relação.

2 - O plano de execução deve conter, de forma detalhada e com referência a cada unidade de aprendizagem do período letivo, a discriminação dos quantitativos de cada item de material escolar, seguido da descrição da atividade didática para o qual se destina, com seus respectivos objetivos e metodologia empregada.

3 - Será facultado aos pais ou responsáveis do educando optar entre o fornecimento integral do material escolar no ato da matrícula ou pela entrega parcial e parcelada, segundo os quantitativos da cada unidade de aprendizagem.

4 – A escola fica proibida, sob qualquer pretexto, de obrigar aos pais de alunos a compra de material escolar e do uniforme no próprio estabelecimento, ou com fornecedores contratados pelos estabelecimentos de ensino, pois se configura venda casada.

Então, fique de olho!!!

Beijos

2 comentários:

  1. Edjane, querida, seu blog é uma fofura!!! Só queria passar e deixar um recadinho no post do material escolar, que lá bem no finalzinho ficou venda casa, quando deveria estar escrito venda casada :D Ameeeei seu blog, estarei acompanhando sempre. Principalmente porque, apesar de não ter filhos, tenho um sobrinho que mora comigo, então toda ajuda nessa área será bem-vinda! Beijo bem grande de uma super fã da Bia ;)

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Ana Régia, pela observação (correção já foi feita) e pelo elogio. Visite-nos sempre e se tiver sugestões, fique à vontade. Bjs Edjane

    ResponderExcluir