terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Cuidado na volta às aulas


A maioria das escolas de Aracaju voltou às aulas ontem. Para alguns pais, momentos de apreensão e coração apertado com o primeiro dia de aula dos filhos pequenos. Para outros alunos, dia de rever os amigos depois do período de férias. Em outros casos, dia de novidades para quem estar estreando em escola nova. Mas, enfim, retorno às aulas é sempre bom. Lembro bem dos meus tempos de escola e da expectativa que esse dia trazia.

Para as mães (e pais também), é hora de tomar alguns cuidados em prol do bem estar e segurança dos filhotes. Antes de sair de casa, verifique o peso da mochila que seu filho leva para a escola. Especialistas dizem que não exceder 10% do total do peso da criança. Se ele disser que precisa levar todo aquele material, questione à professora se realmente é necessário e se não há material que pode ficar na escola. Isso deve ser observado com cuidado, para evitar dores nas costas e até mesmo lesões na coluna vertebral.

Na saída de casa, toda atenção deve ser tomada no transporte das crianças. Se vai em veículo próprio, não esqueça de utilizar os dispositivos de segurança obrigatórios para as que têm até 10 anos, como cadeirinha e acento de elevação. Depois dessa idade, o cinto de segurança continua obrigatório. Além de dar segurança aos pequenos, evita o pagamento de multas, já que a fiscalização foi intensificada nesse sentido agora com a volta às aulas.

Se você optou pelo transporte escolar pago, MAIS ATENÇÃO AINDA!!! Só contrate profissional que esteja cadastrado na Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) e mesmo assim tenha o cuidado de observar todos os itens de segurança obrigatórios que eles têm que cumprir, pois estão no Código de Trânsito Brasileiro: cinto de segurança para todos, acompanhante, ter passado por revisão, motorista habilitado e capacitado para fazer esse tipo de transporte, entre outros.

Tenha o telefone e endereço do motorista da van, peça referências dele, veja se ele tem credenciamento na SMTT ou Detran, converse com outros pais, um dia fique de longe observando como ele recepciona os alunos na porta da escola e, se possível, acompanhe até uma parte do trajeto para ver como ele conduz o veículo com as crianças. Lembre-se que você não vai estar com seu bem mais precioso no trajeto de casa para a escola e da escola para casa, olhando ele com atenção especial de mãe.

Ah, diquinhas básicas, com conselhos que a gente com certeza ouviu da nossa mãe, não podem faltar, especialmente nos dias de hoje. Lembre sempre ao seu filho de não falar com estranhos, tampouco aceitar “presentinhos” como balas e chocolates dessas pessoas. Nunca se sabe quem são e as verdadeiras intenções. É triste, mas hoje em dia a gente primeiro tem que desconfiar, para depois confiar. #étristeisso

No mais, é entregar nas mãos de Deus (como todo dia toda boa mãe faz) o dia dos nossos filhos, pedindo proteção e que eles possam ser ótimos alunos, excelentes filhos e verdadeiros cidadãos.

Beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário